Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Histórias Contadas

Monte Selvagem

MonteSelvagem01 by HContadas
MonteSelvagem02 by HContadas
MonteSelvagem03 by HContadas

Nunca tinha ouvido falar do Monte Selvagem antes da viagem de finalistas da Mariana. E só ficámos a conhecer porque decidimos fazer-lhe a festa surpresa.

 

Mas, é tão, tão giro! Uma reserva animal em pleno Alentejo, grande e desafogada, com um sem número de espécies animais. Pequenos mamíferos, aves aquáticas, camelos, primatas, tartarugas, javalis, renas, cangurus e até crocodilos, são alguns dos bichos que podemos encontrar por lá.

Existem, também, muitas zonas verdes protegidas do Sol por velhos chaparros alentejanos, perfeitas para fazer um piquenique ou apenas descansar. Para as crianças há vários espaços com actividades, como escorregas, slide e jogos tradicionais. E a equipa é fantástica, sempre de sorriso nos lábios pronta a ajudar.

 

Chegámos a meio da tarde e fomos directos para o parque de merendas onde meninos e educadoras estavam a lanchar. Depois da surpresa, na hora em que todos regressaram às carrinhas, fomos conhecer o Monte. Estava uma bonita tarde de Primavera, com temperaturas na ordem dos 25ºC, perfeita para dar um passeio.

 

A pedido do Gonçalo seguimos directos ao insuflável. E qual não foi o espanto quando percebemos que o dito insuflável era um trampolim gigante familiar. Brincámos. Pulámos. Saltámos. Demos cambalhotas e mortais (eles deram mortais, eu fiquei-me pelas cambalhotas).

 

- E é bom saltar num trampolim gigante? - perguntam vocês.

Ao início estranha-se. Dá a sensação que estamos dentro de um barco em alto mar, sem chão seguro e prontos a enjoar. Mas, depois... os pés ganham molas e o corpo ganha asas. E é só saltar! Que sensação fantástica de liberdade!

 

MonteSelvagem04 by HContadas
MonteSelvagem05 by HContadas
MonteSelvagem06 by HContadas

 

No meio da brincadeira, vieram-nos convidar para dar um passeio de tractor. O último do dia. Eram 6 da tarde e já só sobrávamos nós no Monte.

 

Ter o privilégio de fazer o passeio sozinhos com o tratador foi um luxo! Apreciar com calma cada animal, conhecer a sua origem, ouvir a sua história. O Gonçalo ficou maravilhado. Desceu do tractor juntamente com o tratador, pegou em ovos de avestruz ainda por chocar e fez mil perguntas, como qualquer criança da sua idade, curiosa e cheia de sede de aprender.

 

Regressámos sobre as 7h, mesmo na hora de fecho do Monte. Mas, ainda tivemos tempo para passar pelo lago e ver os crocodilos, dormitando ao sol, meio entorpecidos pelo calor alentejano. 

 

MonteSelvagem07 by HContadas

MonteSelvagem08 by HContadas
MonteSelvagem09 by HContadas
MonteSelvagem10 by HContadas

A ideia era fazer uma surpresa à Mariana, mas nós próprios acabámos por ser surpreendidos por uma tarde inesquecível no Monte Selvagem.

 

Fica a promessa de voltar novamente. A quatro ou com amigos. Trazemos connosco as cesta e manta mais giras da estação e fazemos um super piquenique! ;)

 

About me

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Histórias Contadas no Bloglovin

Follow on Bloglovin

Histórias Contadas no facebook

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D