Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Histórias Contadas

Empreendedorismo - as minhas regras de ouro

HContadas-posterDV

Poster: Dinheiro Vivo | Meu testemunho - nº 39


Hoje é um dia especial para mim. O dia em que faço 38 anos. E guardei este dia para partilhar convosco algo que também considero especial. Verifico agora que me alonguei. Seja como for, espero que gostem!

O empreendedorismo surgiu na minha vida sem que eu desse conta. Eu e o Nuno falávamos em ter um negócio nosso, em tom de brincadeira, há já algum tempo. Algures em 2011 surgiu a ideia que se veio, mais tarde, a materializar na Home Glam. Nessa altura não se falava de empreendedorismo como se fala hoje mas, quiseram os astros e uns amigos especiais, que nós acelerássemos ao ritmo da Beta-i no 1º beta start. A partir daí tudo se precipitou e levou-nos até onde estamos agora. Olhando para trás, é com imensa alegria que vejo a quantidade enorme de fazedores que surgiram nos últimos dois anos e meio e o passo de gigante que o país deu em termos de empreendedorismo. E, talvez por isso, gosto de partilhar histórias inspiradoras por aqui, como a da Matilde Beldroegas, a da Twiggs, a da Costureira de Palavras e muitas outras que espero trazer até cá. Ajudam a perceber que há muita gente a fazer mais e melhor por este nosso país. E, claro, ajudam a preencher o meu quadro de inspirações que se tornou aqui o Histórias Contadas.

Agora é a minha vez de partilhar convosco alguma da minha experiência como empreendedora. Aprendizagens que fui adquirindo e que acho que podem ser úteis a todos aqueles que já estão ou estão a pensar empreender:  

  • Sejam atrevidos
    O empreendedor é, por definição, atrevido. Atrevimento bom e saudável de quem quer fazer acontecer. Não se esqueçam que o "não" é garantido e tudo que vier a mais é ganho. 
  • Sejam resilientes
    Esta palavra está na moda, mas afinal o que quer dizer? Pensem numa mola, que dobra e volta a dobrar mas, no fim, regressa ao mesmo lugar. A pessoa resiliente é a mola e, acreditem: o empreendedor tem mesmo que ser resiliente!
  • Não se isolem
    O acto de empreender é muito solitário. Por isso, é importante que tenham isso presente e evitem isolar-se em casa. Hoje em dia há muitos coworks e com preços para todas as bolsas. Procurem. Mas acima de tudo não se deixem entrar na fossa.
  • Vivam com o que têm
    Mentalizem-se que irão passar um período sem duas das coisas que fazem mover este mundo: tempo e dinheiro. Mas, por outro lado, vão estar a fazer acontecer o vosso sonho e isso faz-vos sentir vivos, felizes e prontos para continuar.
  • Sejam realistas [e experimentem rápido]
    As estatísticas demonstram que apenas 1 em cada 10 startups sobrevivem aos primeiros 2 anos. Minha gente, a estatística está contra nós. Por isso, transformem o acto de empreender numa sequência de experiências, que podem ou não resultar, mas que devem ser rápidas para o projecto ir avançando pelo bom caminho.
  • Falem com quem sabe
    Felizmente hoje em dia existem muitas iniciativas em Portugal de apoio ao empreendedorismo. As que eu tenho mais próximas são a Beta-i e a João Sem Medo. Cada uma ao seu estilo, ajudaram-me muito a crescer como pessoa e como empreendedora.

E é tudo! Espero que este meu testemunho vos possa ajudar de alguma forma. E, não se esqueçam, o espaço para comentários está mesmo aqui em baixo. Deixem também o vosso testemunho, comentem o que acabei de escrever, ponham questões! Ou, simplesmente, dêem-me os Parabéns ;)

12 comentários

Comentar post

About me

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Histórias Contadas no Bloglovin

Follow on Bloglovin

Histórias Contadas no facebook

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D